Tiago Batizoco já qualificado e Paulo Eduardo é o próximo treinador nível A

Nenhum comentário
Terminou nesta quinta-feira,19, a qualificação nível A para vários treinadores de futebol do Brasil. Lá no meio dessa multidão de estrelas do futebol brasileiro, estava o bicampeão de Rondônia e um dos mais admirados e odiados do futebol local: Tiago Batizoco

Mas como assim? Admirado e odiado, sim o futebol tem essas aberrações - o cara é admirado pelo time que está comandando, e ao mesmo tempo os torcedores do outro nem querem saber de Batizoco. E essas mal traçadas tem origem de um comentário insosso que o rapaz me disse: "ele (Batizoco) só tem mercado aqui".

Ora meu caro, guardada as devidas proporções Tiago Batizoco está para o futebol de RO, assim como Rogério Ceni mexeu com o futebol do CE, principalmente no meu Leão do Pici. Ele chegou lá e orientou aos dirigentes quanto a parte de instalações, ele se programa e faz acontecer, parece que vai para a terceira temporada no time, já é considerado o maior treinador nos 100 anos de vida do tricolor.
(Tiago Batizoco e Rogério Ceni - Foto: Arquivo Pessoal)

E o nosso ilustre "minerim", diria beradeiro. Vai comendo pelas beiras, faz 1 a 0 aqui, uma goleada de 2 ali. Daqui a pouco chega à final. Pra mim o Vilhenense fez a coisa mais certa, em trazer de volta o estrategista e, agora nível A Tiago Batizoco.

Como citei no título nosso famoso PE (Paulo Eduardo), é outro que chega no início de 2020 a ostentar a licença A. E assim caminha nosso futebol para novas portas, apesar de que a capital - a única do pais a não ter um estádio -, mas vamos ter sim um timaço de 11 treinadores, e entre eles um nível A na ativa, e 10 querendo passar por cima (no bom sentido). 
(Paulo Eduardo - Foto: Arquivo Pessoal)
(Convocação para o Curso Nível A - Foto: CBF)


Nenhum comentário

Postar um comentário