Plataforma brasileira é escolhida pela La Liga para selecionar promessas do futebol nacional

Nenhum comentário
(Foto: Divulgação)


Será por meio da Tero, plataforma digital que conecta jovens atletas a oportunidades de carreira, que a LaLiga, responsável pelas primeira e segunda divisões do futebol espanhol, terá acesso às novas promessas que poderão brilhar nos gramados europeus. Isso porque a associação esportiva espanhola, em parceria com o Grupo LX, utilizará a tecnologia desenvolvida pela Tero para selecionar 900 candidatos interessados em participar do Bravo!, reality show que será exibido em 2020 pela ESPN e garantirá a 13 jovens jogadores uma passagem para a Espanha, onde poderão competir por oportunidades com times da categoria de base do país.

A Tero atuará na peneira inicial dos jovens entre 16 e 19 anos inscritos por meio do site do programa até o dia 01 de dezembro, que até o momento já conta com 8.500 inscritos. Analisando as informações cedidas no momento da inscrição, como os características físicas, entendimento tático do jogo, experiências prévias e vídeo de melhores momentos, o algoritmo da plataforma selecionará os 900 atletas para a seletiva presencial, em Sorocaba, de onde sairão os 78 jovens que ficarão concentrados por três semanas e disputarão, em seis times e sob o comando de treinadores da LaLiga, o passaporte para o país ibérico.

“O algoritmo foi pensado para realizar a análise dos perfis de maneira escalável, o que não poderia ser feito manualmente. Os dados fornecidos no momento da inscrição são cruzados e utilizados para analisar as características de cada garoto objetivamente e com rapidez”, explica Bruno Pessoa, CEO e cofundador da Tero.

Além da parceria com a LaLiga e o Grupo LX, a Tero já conta com mais de 22 mil atletas cadastrados em sua plataforma, número que deve chegar aos 500 mil até o final de 2020.

“Ao criarmos a plataforma e aprimorarmos a tecnologia para que seja utilizada em iniciativas como o Bravo!, nós queremos dar oportunidades reais e democráticas aos milhares de jovens brasileiros que sonham em jogar futebol, mas encontram dificuldades, sejam elas financeiras ou até mesmo geográficas para alcançar esse sonho. Por isso, esses espaços digitais, que estejam ao alcance de jovens de qualquer lugar do país, são tão importantes”, finaliza o CEO.


Nenhum comentário

Postar um comentário