Garoto perde o olho e família pede ajuda para pagar por prótese em Porto Velho

Nenhum comentário


Uma brincadeira inconsequente causou uma tragédia na vida de uma criança, no último domingo (01), no bairro Teixeirão, em Porto Velho. O garoto Victor Emanuel Costa Pereira perdeu um dos olhos ao ser atingido por um tiro de espingarda de chumbinho.



O pai dele, Wilhans Benigno, contou que o filho estava em casa se preparando para ir para a igreja, quando foi até a casa do vizinho chamar a irmã. Nesse momento, um adolescente de 15 anos estava com uma espingarda de chumbinho e apontou a arma para Victor, disparando um tiro que atingiu o olho do garoto.


Ele foi levado para o hospital onde a equipe médica logo descartou as chances de salvar o olho atingido pelo disparo. “Ele está se recuperando e já está em casa, mas não sabe ainda que perdeu o olho. Ele vai ter que ter acompanhamento psicológico. Além disso, os médicos deram o prazo de um mês para que seja colocada uma prótese no lugar do olho, seria um olho de vidro. Depois, desse tempo, não tem mais jeito, pois cicatriza”, explicou.



Uma prótese como essa, disse o pai, custa em torno de R$ 12 mil. Esse valor é muito caro para a família que não tem essa quantia. Eles então, resolveram fazer uma campanha de arrecadação nas redes sociais. É uma corrida contra o tempo.



Quem quiser ajudar ou mais informações pode contactar nos seguintes telefones:



Maria Alzimarina (mãe) e Wilhans Benigno(Pai)



Telefones: 69 9-8103 0341 ou 9 9359 2305



A conta para depósito é a da Caixa Econômica



Agência 2848



Conta Poupança: 00041671-0




Nenhum comentário

Postar um comentário