Papo de Torcedor INTER - Lentidão e empate

Nenhum comentário
Olá torcida colorada, bem-vinda a mais um Papo de Torcedor Inter, aqui no Jovens Cronistas, para repercutir o empate em 0 a 0, entre Inter e Corinthians, pela 14ª rodada do Brasileirão. Jogando no Beira-Rio, o Inter entrou com um time extremamente lento e o Corinthians bem postado na defesa, não correu riscos. No segundo tempo o Inter foi para o ataque, mas sem sucesso e o empate em um jogo bem monótono foi o resultado.

Foto: Ricardo Duarte / Internacional

O Inter foi a campo com Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Cuesta e Uendel; Rithely (Nico López), Nonato (Sarrafiore), Patrick; D'Alessandro, Rafael Sobis (Wellington Silva) e Guerrero. O técnico Odair Hellmann mandou a campo um time tendo como grande novidade Rafel Sobis na vaga de Nico López. Em outro momento concordaria com esta alteração, mas pelas entradas de Nonato e Rithely, nas vagas de Lindoso e Edenilson, acabou contribuindo para que o time ficasse extremamente lento.

Ver imagem no Twitter
Foto: Eduardo Deconto / Globoesporte.com

A melhor chance do Inter no primeiro tempo, ocorreu aos 21 minutos, após D'Alessandro cobrar escanteio da esquerda e Nonato chutar de primeira, para grande defesa de Cássio. Aos 27, Sobis cobrou falta da esquerda e Guerrero se esticou todo, mas não conseguiu finalizar. O Corinthians chegou aos 41, após Clayson fazer jogada pela esquerda, bater cruzado para Júnior Urso, que de dentro da pequena área, chutou para fora.

Ver imagem no Twitter
Foto: Diego Guichard / Globoesporte.com

No segundo tempo, aos 17 minutos, D'Alessandro tocou para Nico López dentro da área, que cortou o marcador e chutou rasteiro, para fora. Aos 48, Everaldo roubou a bola no meio, invadiu a área, mas na hora de chutar, isolou a bola para fora e o 0 a 0 foi o resultado.

Foto: Ricardo Duarte / Internacional

Odair Hellmann para mim fez uma alteração antes da partida, que já era pedida por alguns, mas não por este cronista, a saída de Nico López do time e a entrada de Rafel Sobis. O time acabou ficando extremamente lento e forçando a jogada pelo meio, contra um Corinthians que tem um forte sistema defensivo. Era jogo para explorar as pontas, desta forma, Nico deveria ter sido mantido no time, pois mesmo sem fazer gols, ele cria oportunidades.

Odair até empilhou alterações ofensivas, com as entradas de Nico López, Wellington Silva e Sarrafiore, mas acredito que pelo menos um destes três, deveria ter começado a partida e não ter entrado em meio ao jogo. A formação inicial sem jogadores de velocidade, contribuiu para o 0 a 0, pois o adversário também não se arriscou ao ataque e parecia que ambos estavam satisfeitos com o empate, desde o inicio.

Foto: Ricardo Duarte / Internacional

O meio-campo com Rithely, Nonato, D'Alessandro, ficou extremamente lento, o que contribuiu muito para o empate. Rithely aliás errou muitos passes simples e não justifica tanto esta aposta nele. Espero que com a sequência de jogos, possa melhorar, mas as suas atuais atuações assustam.

Com o empate o Inter chegou aos 21 pontos e é o 8° colocado. No próximo sábado (17), o time visita o Fortaleza, no Ceará. Seria um jogo interessante de se vencer como visitante, porém como o time deverá ser totalmente reserva, devido a proximidade da data da partida da Libertadores, acredito que se os reservas trouxerem um ponto, já será de bom tamanho, até porque das competições de 2019, o Brasileirão é a menos importante.


Nenhum comentário

Postar um comentário