"Vou pegar ele e dar uns paus", diz Popó ao revelar dívida de Edílson de R$ 15 mil

Nenhum comentário
Foto: Reprodução
Em entrevista concedida à uma rádio de Salvador, nesta segunda-feira  (1º), o ex-pugilista Acelino "Popó" Freitas revelou que o ex-atacante da seleção brasileira Edílson "Capetinha" tem uma dívida com ele de R$ 15 mil reais que não foi paga quando o futebolista deixou a prisão.

Durante a entrevista o baiano revelou uma mágoa com o ex-jogador de futebol e fez ameaças. "Eu soltei Edílson uma vez. Emprestei R$ 15 mil, já tem dois anos que não quer me pagar de jeito nenhum. Foi preso por pensão alimentícia, eu fui lá e disse que iria ajudar para soltá-lo. E até hoje ele me enrola para pagar. Ligo para ele, não fala nada. Me bloqueou do Instagram, do WhatsApp e ele me devendo", afirmou o boxeador.

"Eu falei: 'vou te pegar e dar uns paus'. Ele disse: 'Lembre que você tem força de lutador, você sabe lutar'. Edilson, eu vou te pegar e você vai me pagar o que me deve. Ele estava preso na detenção, dei R$ 15 mil. Eu soltei ele na primeira vez que ele foi preso. Soltei o cara e não quer me pagar, faz evento toda semana e não quer me pagar", disse Popó, "Em todos os lugares que eu vou, que tem os amigos do futebol, eu falo: 'Não empreste, ele é safado'", concluiu.





Nenhum comentário

Postar um comentário