Artista tira 2,5cm da montanha mais alta da Inglaterra, exibe em exposição e governo quer de volta

Nenhum comentário

O pico Scafell, ainda o mais alto da Inglaterra, ficou 2,5 centímetros menor depois da passagem desse artista por ele. Oscar Santillan, de 34 anos, tirou um pequeno pedaço do topo da montanha para exibir em uma exposição, e agora o governo o acusa de vandalismo.

O artista disse que seu "ato sugestivo" (que segundo ele é uma obra de arte) significa o modo com o qual os homens impõem as categorias culturais sobre a natureza. Mas o ato enfureceu as autoridades inglesas.









 

Ian Stephens, diretor de turismo de Cumbria, disse: "nós queremos o topo da nossa montanha de volta". Outros artistas também ficaram brabos. Terry Abraham, que fez um documentário sobre a montanha, disse: "a mensagem do meu filme era pra inspirar pessoas e iluminá-las sobre a herança daquele lugar, para que fosse tratado com respeito. Mas então vem esse artista que essencialmente vandalizou a montanha e manda uma mensagem completamente errada".

Na galeria onde a "obra de arte" está sendo exibida, o topo da montanha recebeu o nome de "O intruso", cuja descrição é: "esse artista pegou o topo da montanha mais alta da Inglaterra". Eles querem que nós reflitamos que não podemos atribuir à natureza os nossos próprios padrões, como "o mais alto", "o melhor", "o mais bonito".

O artista diz que não fez nada de errado.

Fonte: Telegraph



Nenhum comentário

Postar um comentário