BOLÍVIA: Roubo de veículos deve ser combatidos por Bolsonaro e Marcos Rocha

Nenhum comentário

Nos últimos meses cidadãos de Porto Velho e regiões próximas estão vivendo assustados com um antigo problema: o roubo constante de carros e motos, que são imediatamente levados para a Bolívia cruzando a fronteira pelos rios Madeira e Mamoré.


O Modus Operandis ainda é o mesmo, os veículos são roubados em solo brasileiro, através das BRs 364 e 425 chegam ao rio e com pranchas de madeira e voadeiras são tranquilamente encaminhados ao território do país vizinho.


Na Bolívia esses veículos são repatriados, não é difícil, cartórios emitem documentos novos registrados em nomes de cidadãos bolivianos, tudo oficializado em documentos timbrados pelo Governo da Bolívia, prefeitura e até Ministério Público. Essa situação facilita e impulsiona essa modalidade de crime. Entre os veículos roubados e levados para a Bolívia, a preferencia são motos e caminhonetes.


É necessário que o governador de Rondônia, Marcos Rocha (PSL), se atente para esse problema e crie uma força tarefa para impedir a saída desses veículos através de operações realizadas ainda dentro da cidade onde o crime foi cometido.


Também é de extrema urgência que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) cobre das autoridades bolivianas que parem de agir em conivência com esses bandidos que vem lesando o cidadão brasileiro há décadas.


Fonte: Rondoniaovivo


Nenhum comentário

Postar um comentário