Brasil

5/cate1/Brasil

Política

5/cate1/Política

Entretenimento

4/cate2/Entretenimento

Esportes

5/cate4/Esportes

Internacional

5/cate5/Mundo

Economia

4/cate2/Economia

IstoÉRondônia

Últimas Notícias

TRAGÉDIA - Caminhão explode na BR-364 e motorista morre carbonizado



Na tarde desta segunda feira (24) um caminhão tanque bateu violentamente na traseira de uma carreta na BR-364, entre os municípios de Vilhena e Pimenta Bueno, interior de Rondônia


Segundo informações obtidas pela equipe de reportagem, o caminhão tanque trafegava em local que estava em manutenção na BR-364, quando atingiu com violência uma carreta que estava parada.


Após a colisão, o caminhão tanque explodiu e o motorista morreu carbonizado. O outro motorista da carreta não se feriu.


De acordo com a corporação de bombeiros, após o choque entre os dos veículos de carga, um deles transportando tanques de combustível, que saíram da pista, o fogo se espalhou pela vegetação e os Bombeiros foram mobilizados.


Vídeo:






Fonte: Mídia Rondoniense



Cantor Ferrugem abandona show no São João após copos serem jogados no palco durante apresentação

Foto: Joel Vargas / Agência Preview. 
O cantor Ferrugem abandou o palco do Forró do Bosque, uma festa privada na cidade de Cruz das Almas, no recôncavo da Bahia, onde se apresentava na noite de domingo (23). Conforme a assessoria do evento, o artista alegou que copos foram jogados no palco por pessoas que estavam na plateia durante o show e que ele quase foi atingido.

Ainda segundo informações da assessoria da festa, o cantor começou a apresentação por volta das 22h, mas abandonou o show cerca de 30 minutos depois e não voltou mais. A produção do evento destacou que o cantor alegou que jogaram copo no palco por duas vezes. Ele pediu desculpas ao publico e, depois, saiu do palco.

Em nota, a assessoria do cantor informou que Ferrugem não voltou para o palco, depois do ocorrido, por sentir falta de segurança no local.

A assessoria informou, ainda, que o evento apresentou vários problemas estruturais e técnicos e que itens mínimos para a realização da apresentação não estavam disponíveis para a equipe do cantor.

Foto: G1
Do Acorda Cidade





Atleta do PVH EC feminino vai para o Palmeiras Sub-18



Embarcou na madrugada de hoje(24), para São Paulo a atleta Natyelly Krauzer, do Porto Velho EC para se integrar ao Palmeiras Sub-18. Isso mesmo, nossa taurina Naty como é mais conhecida nasceu dia 12/05/2001 em Espigão d'Oeste-RO, portanto, está com pouco mais de um mês completado seus 18 aninhos.


A linda loiraça que poderia muito bem ter optado para a carreira de top model, preferiu dar seus primeiros chutes nas quadras de futsal, dai migrando para o futebol graças a Deus. Sim, por que com a personalidade e a parte destemida das taurinas, essa vai longe.


Lembro quando ela chegou já no segundo ou terceiro jogo do PVH EC, entrou no segundo tempo e incendiou o jogo, botou um grilo na cabeça do Profº Guido Quêtto. Daí pra frente a meia atacante conquistou seu espaço, e foi vista por olheiros do Verdão Paulista. Vai disputar um Sub-18 em nível nacional, ante de completar seu décimo nono ano estará no time profissional.











(Foto 1-Naty com a camisa do PVH; Foto 2-Momento Shopping e Foto-3 com seu empresário Gilmar de Jesus - todas as fotos de seu arquivo pessoal)





Fonte: luiscarlospereirablog




BÊBADO - Policial civil é preso após ameaçar pessoas em lanchonete e atirar


Um policial civil de 35 anos armado com uma pistola calibre . 40 foi preso na madrugada desta segunda-feira (24) após ameaçar pessoas em frente a uma lanchonete e efetuar disparo em via pública. O crime aconteceu na Avenida Calama, bairro São João Bosco, região Central de Porto Velho (RO). Ele foi preso dentro do Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Rondônia (Sinsepol).



De acordo com o boletim de ocorrência, o policial embriagado chegou na lanchonete em um táxi e pediu para o taxista ir até o balcão solicitar dois sanduíches para ele. Quando o lanche ficou pronto, o taxista teria dito para o gerente do estabelecimento ir até o carro passar o valor para o policial, pois estava com medo por ele estar muito alterado.



Ao se aproximar, o gerente já foi surpreendido pelo policial com a pistola na mão mandando a vítima se ajoelhar no chão, ordem não obedecida. "Você e o taxista estão armando alguma para mim", dizia o suspeito.



Após isso, o policial se sentou em uma cadeira e comeu o lanche. Porém, com a arma, ele também ameaçou outros clientes do estabelecimento, mandando todos ficarem em um só lugar.



Depois disso, um casal chegou em um carro para lanchar e o suspeito apontando a arma para a cabeça do homem teria dito: "Me leva ou dá a chave do carro, que sou policial". O homem explicou que a dona do veículo era a esposa dele, que inclusive estava dirigindo. A mulher logo também foi ameaçada pelo policial.



Quando percebeu que a PM tinha sido acionada, o policial saiu correndo e efetuou um disparo aleatoriamente.



Uma equipe da Polícia Militar flagrou o suspeito correndo pela Avenida Calama e deu voz de parada, porém, ele apontou a arma para o militares e não obedeceu. O policial então entrou no prédio do Sinsepol e recusava a se entregar. Várias equipes da PM fizeram o cerco no local e em seguida um colega do suspeito saiu do sindicato afirmando ser policial civil e que o ora procurado pela PM também era.



Ele apresentou a arma do suspeito para os militares e o delegado de plantão na Central de Flagrantes foi até o endereço para conduzir o policial preso até a delegacia. O suspeito alega que toma remédios controlados.


Fonte: Rondoniaovivo